quarta-feira, 8 de junho de 2011

POESIA DE MARCOS CIONE...

CALOR....



A tarde chegara,
Sem muito alarde,
Na linha do horizonte,
O sol se pôs,
Entre o céu e o mar...
Quantas lembranças
O entardecer me traz,
Parece que foi ontem
Que você esteve aqui,
Ainda sinto o seu calor,
Tão forte,
Dentro de mim...
Agora,
O meu corpo inteiro reclama,
Sentindo a sua falta!
A falta dos seus carinhos,
Dos seus cuidados,
Seu cheiro,
Seu gosto...
o que eu faço agora?
O meu corpo clama pelo seu!
Os meus desejos enlouquecidos
Fervem a lhe esperar...
Volte meu amor!
O calor está grande,
No ponto,
Para que os nossos corpos
Possam banhar-se,
Nas águas cristalinas,
Do verde mar do amor,
E nos deliciar
Com os nossos desejos
Que nos queimam por dentro,
Querendo amar!


Esther Gonçalves
&
Marcos Cione

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AS MIL FACES DE JOHNNY DEPP

JOHNNY DEPP

JOHNNY DEPP

HUMOR DA NAHH

The current mood of nahh at nahh