domingo, 23 de maio de 2010

Tailandês 'Lung Boonmee' vence a Palma de Ouro em Cannes

Filme de Apichatpong Weerasethakul tem espíritos e macacos-fantasmas.
Juliette Binoche e Javier Bardem venceram prêmios de interpretação.

Diego Assis Do G1, em Cannes
O diretor Apichatpong Weerasethakul, ao lado do ator Javier 
Bardem, recebe a Palma de Ouro de Tim BurtonO diretor Apichatpong Weerasethakul, ao lado do
ator Javier Bardem, recebe a Palma de Ouro de Tim
Burton (Foto: Reuters)
O filme "Lung Boonmee raluek chaat" (em tradução livre, Tio Boonmee, aquele que se lembra de suas vidas passadas) , do diretor Apichatpong Weerasethakul , venceu a Palma de Ouro do 63º Festival de Cannes.
O anúncio foi feito no início da noite deste domingo (23) pelo júri presidido por Tim Burton.
Também foram premiados a atriz Juliette Binoche, por seu papel em "Copie conforme", de Abbas Kiarostami, e os atores Javier Bardem, por "Biutiful", e Elio Germano, por "La nostra vita". O Grande Prêmio foi para "Des hommes et des dieux", de Xavier Beauvois, e o troféu de direção foi para "Tournée", do ator-diretor Mathieu Amalric.
Veja fotos da entrega dos prêmios em Cannes e das estrelas no tapete vermelho
"Eu dedico esse prêmio aos espiritos e aos fantasmas do meu país", declarou o tailandês Apichatpong Weerasethakul ao subir ao palco para receber a Palma das mãos da atriz Charlotte Gainsbourg. A fala é uma referência aos personagens que aparecem em seu filme - o espírito de uma mulher, umas criaturas estranhas batizadas de macacos-fantasmas e até um bagre falante que protagoniza uma cena sexual com uma princesa.
Saiba mais sobre o cinema de Apichatpong Weerasethakul
"Me lembro que 30 anos atrás, quando meus pais me levaram para ver meu primeiro filme, eu não entendia nada de cinema. Hoje, com esse prêmio, acho que já sei alguma coisa", brincou o diretor, radiante com a vitória.
A atriz Juliette Binoche segura uma placa com o nome do 
diretor iraniano Jafar PanahiA atriz Juliette Binoche segura uma placa com o
nome do diretor iraniano Jafar Panahi (Foto:Reuters)
Protestos contra o IrãA cerimônia no Grand Theatre Lumière abriu com um protesto pela libertação do cineasta iraniano Jafar Panahi, que está preso no Irã há algumas semanas e iniciou uma greve de fome na prisão. A cadeira do diretor, que chegou a ser convidado mas não pode viajar ao festival por conta da detenção, foi mostrada vazia.
Mais tarde, a atriz Juliette Binoche - que já havia se emocionado na entrevista coletiva de "Copie conforme" na semana passada - também fez seu protesto, carregando uma placa com o nome de Panahi até o palco e fazendo um apelo por sua libertação.
Outro momento politizado da premiação foi protagonizado pelo ator italiano Elio Germano, que vive um mestre de obras que tem de criar os três filhos após a morte súbita de sua jovem esposa no filme "La nostra vita". "Esse prêmio é uma resposta ao nosso presidente que já acusou o cinema italiano de só dizer coisas ruins sobre o país. Quando tenho oportunidade, eu falo de coisas boas da Itália também", disse Germano sob aplausos do público. "Dedico esse prêmio à Itália e aos italianos. É uma alegria para nós, apesar da doença de nossa política."
Bardem se declara a PenélopeO espanhol Javier Bardem, que dividiu o prêmio de ator com Germano, deixou a política de lado e fez um agradecimento especial carinhoso à sua família e levou sua mãe e sua esposa, Penélope Cruz, às lágrimas na plateia.  "Penélope, eu te devo muito", disse o galã. Sobre o filme de Alejandro González Iñarritu, em que interpreta um pai à beira da morte que luta para criar a família em um bairro pobre de Barcelona, Bardem disse que o diretor "criou a sua mais bela pintura" com "Biutiful".
O diretor Mathieu Almaric recebem o prêmio de melhor direção 
em Canne acompanhado do elenco de strippers do filme 'Tournée' O diretor Mathieu Almaric recebe o prêmio de
melhor direção em Canne acompanhado do elenco
de strippers do filme 'Tournée' (Foto: Reuters)
Talvez dono do prêmio mais polêmico da noite, o de direção, Mathieu Amalric também subiu ao palco com os olhos marejados. "Fico feliz com esse reconhecimento especialmente porque comecei como estagiário, trabalhando por trás das câmeras, e agora estou aqui como diretor", destacou o pupilo do cineasta francês Arnaud Desplechin. Apesar do troféu e do prêmio da Fipresci vencido ontem, "Tournée", que acompanha um produtor falido numa excursão com um grupo de strippers, não foi tão bem recebido por muitos dos jornalistas em Cannes.
Confira abaixo a lista completa dos vencedores do 63o Festival de Cannes:
Curta-metragem - Palma de Ouro"Chienne d'histoire", de Serge Avedikian
Curta-metragem - Prêmio do Júri"Micky Badder", Frida Kempff
Camera D'Or"Año Bisiesto", Michael Rowe
Prêmio do Júri"Un homme qui crie", de Mahamat-Saleh Haroun
DireçãoMathieu Amalric, por "Tournée"
Roteiro"Poetry", de Chang-dong Lee
Interpretação femininaJuliette Binoche, por "Copie conforme"
Interpretação masculinaJavier Bardem, por "Biutiful"
Elio Germano, por "La nostra vita"
Grande Prêmio"Des hommes et des dieux", Xavier Beauvois
Palma de Ouro
"Lung boonmee raluek chaat", Apichatpong Weerasethakul

Javier Bardem ganha prêmio de melhor ator em Cannes

Astro espanhol recebeu homenagem por sua atuação no longa-metragem "Biutiful"
QUEM Online
AP
Javier Bardem ganha abraço do diretor Alejandro Gonzalez
Javier Bardem emocionou a platéia e levou a mulher, Penélope Cruz, às lágrimas depois de vencer o prêmio de melhor ator por sua atuação no longa-metragem "Biutiful", no Festival de Cinema de Cannes, neste domingo (23). De acordo com a agência "AP", ele dividiu a Palma de Ouro na categoria com Elio Germano, que se destacou no elenco de  "La nostra vita".
No palco, ele agradeceu à família e dedicou o prêmio para Penélope Cruz. "Penélope, eu te devo muito." No filme, do diretor Alejandro González, Javier Bardem interpreta um homem que se envolve com negócios ilícitos e passa a ser confrontado por um policial, que foi seu amigo de infância.

AP
O espanhol exibe o prêmio ao lado de Juliette Binoche, que venceu na categoria de melhor atriz

AP
Javier Bardem com Penélope Cruz e a mãe, Monica Bardem

"Alice" passa HP 1 e se torna a 6ª maior bilheteria


Há dez dias atrás, Alice no País das Maravilhas de Tim Burton estava na 7ª colocação na lista com as maiores bilheterias de todos os tempos com mais de 960 milhões de dólares arrecados ao redor do mundo. O filme que se tornou o mais lucrativo da Disney passou para a 6ª posição com mais de 980 milhões de dólares. Confira o TOP 10:


1. Avatar (2009) $2,724,292,481
2. Titanic (1997) $1,835,300,000
3. O Senhor dos Anéis: O Retorno do Rei (2003) $1,129,219,252
4. Piratas do Caribe: O Baú de Morte (2006) $1,060,332,628
5. Batman - O Cavaleiro das Trevas (2008) $1,001,921,825
6-Alice nos País das maravilhas (2010) $$980,709,509
7. Harry Potter e a Pedra Filosofal (2001) $968,657,891
8. Piratas do Caribe: No Fim do Mundo (2007) $958,404,152
9. Harry Potter e a Ordem da Fênix (2007) $937,000,866
10. Harry Potter e o Príncipe Mestiço (2009) $933,956,980

Citação De Johnny Durante A Festa Da Chanel



Em meio a um artigo sobre o jantar oferecido pela Chanel no dia 18 de maio, há a citação de Johnny que você pode ler abaixo:

[...]
Depp, completando seu terno Tom Ford com um chapéu e um emaranhado de colares, que usa como assinatura, disse que se vestir é o que mais anseia quando faz um filme. "Eu amo o processo de transformação e de todas as longas horas que passo nele. O figurino pode se tornar a pele do personagem," disse ele, antes de ser puxado para sua mesa por Vanessa Paradis.

Fonte

Dois filmes com Johnny Depp listados para 2011: Rango e O Turista RT

"The Tourist" em pós-produção



As filmagens de "The Tourist," estrelando Johnny Depp e Angelina Jolie, estão oficialmente finalizadas e o filme está em sua pós-produção. O drama/suspense, dirigido por Florian Henckel von Donnersmarck, é esperado para estrear em 16 de fevereiro de 2011 nos Estados Unidos.

O próximo projeto de Johnny é Piratas do Caribe 4 (Pirates of the Caribbean: On Stranger Tides), que também está programado para estrear ano que vem.

Zorra Total: Lady Kate vira Alice no País das Maravilhas no sábado, 22 Katiuscia Canoro encarna Alice e Samantha Schmütz a Rainha de Copas

zorra totalLady Kate vira Alice no País das Maravilhas no Zorra deste sábado, 22 de maio, na Rede Globo
O Zorra Total deste sábado, 22, traz o quadro de Lady Kate em clima de "Alice no País das Maravilhas", logo após Passione, na Rede Globo.
FOTOS: Confira a galeria de Lady Kate como Alice no Zorra Total
zorra total aliceA aspirante a socialite sonha estar no País das Maravilhas com direito a Chapeleiro Maluco e tudo
Lady Kate sonha que está no País das Maravilhas com direito a chapeleiro maluco, um chá das cinco pra lá de doido e seus fiéis escudeiros Salsichão e Kleitom como coelho branco e gato risonho, respectivamente.

Imagem feita em computação gráfica por Jelmer Boskma.



Veja imagens do processo de criação: http://www.jelmerboskma.com/johnny.html

Ao lado do marido e bebê, Gisele Bündchen é clicada sem maquiagem Top model foi vista saindo de casa com a família.

X17/AG

Gisele, Tom Brady e Benjamin: família de comercial de margarina

Gisele Bündchen foi clicada saindo de casa neste sábado, 22, em Los Angeles, ao lado do marido, Tom Brady, e do filho, o fofíssimo Benjamin. A top estava sem  maquiagem alguma, mostrando que sua beleza não é truque de photoshop.

AS MIL FACES DE JOHNNY DEPP

JOHNNY DEPP

JOHNNY DEPP

HUMOR DA NAHH

The current mood of nahh at nahh