quarta-feira, 25 de outubro de 2017

Filha de Johnny Depp dispensa sutiã e rouba a cena em evento de moda




Atriz e modelo de 18 anos foi estrela de evento de moda realizado em Nova York!

A atriz e modelo Lily-Rose Depp, filha do ator Johnny Depp (Foto: Getty Images)
A atriz e modelo Lily-Rose Depp, roubou a cena em um evento de moda realizado em Nova York ao comparecer ao evento sem sutiã. A filha de 18 anos do ator Johnny Deppfoi alvo de vários cliques de fãs e fotógrafos presentes no red carpet do WWD Honoros, premiação anual organizada pela revista WWD dedicada a destaques do mundo da moda.
Lily-Rose Depp estave no evento com um vestido preto de luxo que deixou grande parte de suas pernas à mostra. Ela também fez uso de um rabo de cavalo e de um salto alto.
A atriz e modelo Lily-Rose Depp, filha do ator Johnny Depp (Foto: Getty Images)
Além da ausência de sutiã da atriz, perceptível pela parte lateral de seu vestido, Lily-Rose Depp também chamou atenção por conta dos enormes brincos utilizados por ela e da bela maquiagem ao redor dos seus olhos.
A atriz e modelo Lily-Rose Depp, filha do ator Johnny Depp (Foto: Getty Images)
A atriz e modelo Lily-Rose Depp, filha do ator Johnny Depp (Foto: Getty Images)

terça-feira, 24 de outubro de 2017

Johnny Depp estrela clipe sangrento de Marilyn Manson

“Say10” traz representações de Caim e Abel e outras alegorias




Johnny Depp e Marilyn Manson

por ROLLING STONE EUA10 de Out. de 2017 às 12:41

Johnny Depp se junta a Marilyn Manson para uma orgia satânica no videoclipe de “Say10”. A música aparece no novo disco do cantor, Heaven Upside Down, lançado na última sexta-feira, 6.
O registro visual dirigido por Tyler Shields traz Depp e Manson interpretando os irmãos Caim e Abel, que têm a história narrada na Bíblia. Durante o vídeo, a dupla declara a letra da canção um para outro enquanto estão sentados em tronos em um quarto cavernoso, repleto de mulheres nuas. Essas cenas são intercaladas com imagens de uma mulher se masturbando em um cômodo perturbado por espíritos demoníacos e com uma Bíblia flutuante.
“Estou aqui para ser tudo o que sou acusado de não ser. E para ser culpado pelo o que vocês me fizeram ser. Os tiros que vocês irão escutar são de uma boca disfarçada de arma. Não chame isso de arte. Isso é um pinto duro em um quarto cheio de vampiros e de música. A música é meu sangue sujo no rosto de vocês”, disse Manson, em um comunicado, sobre o vídeo. Assista abaixo.
Heaven Upside Down é o décimo disco da carreira de Manson, e chega dois anos após The Pale Emperor. Em uma entrevista recente à Rolling Stone EUA, ele afirmou que o novo álbum se distancia do LP mais recente para se aproximar de trabalhos passados. “As pessoas que escutaram as novas músicas disseram que elas lembram suas partes favoritas de Antichrist Superstar (1996) e Mechanical Animals (1998), mas com uma abordagem nova e diferente.”
Ouça Heaven Upside Down abaixo.

segunda-feira, 9 de outubro de 2017

NOVO POSTER DE “ASSASSINATO NO EXPRESSO DO ORIENTE”

No Brasil, o filme estreia em 23 de novembro.





via DEPPlovers

JOHNNY EM ENTREVISTA EXCLUSIVA PARA NUMÉRO HOMME



“Os estúdios vendem um produto e eu me tornei seu produto.”





Ele é um dos poucos grandes atores a escrever seu próprio destino. Desde que se tornou um nome familiar aos 24 anos, Johnny Depp navegou habilmente pelas armadilhas da celebridade, forjando seu próprio caminho em ambiciosos filmes de autores como Tim Burton e Jim Jarmusch. Numéro Homme senta com o ícone de Hollywood – e rosto da fragrância Sauvage da Dior – para uma entrevista exclusiva.
NHQuais diretores tiveram o maior impacto em você?
JD: Tim Burton. Quando conheci Tim, tinha acabado de fazer Cry-Baby com John Waters. Antes de John eu estava naquele programa de TV [21 Jump Street] e eu era basicamente tudo como o que eles queriam me vender. Os estúdios vendem um produto e eu me tornei seu produto. Eles ditavam às pessoas o que eu era e quem eu era. Não era sobre mim, era sobre essa imagem que não tinha nada a ver comigo, então eu sabia que não estava na minha estrada.
NH:Quão importante é para você permanecer independente em suas escolhas de filmes?
JD:Uma coisa que eu nunca poderia suportar quando toda a estranheza começou a acontecer e as pessoas começaram a me reconhecer, foram as categorias nas quais você é colocado. Eles farão qualquer coisa para rotular você como um certo tipo. É como quando você aparece nas fileiras e as pessoas dizem: ” Ele é o novo James Dean ou isso ou aquilo … ” Não, não, não. Eu nunca gostei das categorias. Eu não gosto de pensar sobre isso como um negócio, isso fica no caminho. É uma corrida de obstáculos para o trabalho, de modo que simplesmente não estou interessado nisso.
NH:Você já assistiu seus próprios filmes?
JD:Não, eu tento não assistir. Eu tive que fazê-lo algumas vezes porque queria me certificar de que o corte estava bom, mas eu prefiro permanecer ignorante do que seja o acordo final. É mais fácil para mim fazer o trabalho, viver o personagem e, uma vez que eles dizem “você terminou”, é quase como se não fosse meu negócio. Eu me sinto melhor não vendo o que eles chamam de “produto final”. Prefiro me afastar com a experiência, o que me permite permanecer menos consciente de quaisquer definições estranhas que as pessoas usem – como a fama e tudo isso – e me permite permanecer o mais livre possível.
(Leia a entrevista completa na edição de outono /inverno de 2017-2018 de Numéro Homme, nas bancas da França a partir de 2 de outubro.)

Tradução e adaptação Depp Lovers.

PREMIERE DE ASSASSINATO NO EXPRESSO DO ORIENTE – NEW YORK






A Premiere de Assassinato no Expresso do Oriente nos Estados Unidos será na segunda-feira, dia 6 de novembro de 2017, no AMC Loews, Lincoln Square 13, Broadway – NY

via deppLovers

AS MIL FACES DE JOHNNY DEPP

JOHNNY DEPP

JOHNNY DEPP

HUMOR DA NAHH

The current mood of nahh at nahh