sábado, 29 de maio de 2010

Johnny Depp em sessão dupla do AXN

Neste sábado, 29 de maio, o AXN exibirá em seu bloco Double Pack, a dobradinha de filmes com um dos atores mais versáteis e respeitados do cinema mundial: Johnny Depp (Alice no País das Maravilhas).
Sinopses:
"Era uma vez no México": Assombrado e marcado pela perda, El Mariachi decide viver isolado.
Ele é forçado a sair de seu refúgio por Sands, um corrupto agente da CIA, que o recruta para sabotar um plano do chefe de cartel Barillo, que pretende assassinar o presidente do México.
No Elenco, Antonio Banderas (Shrek para Sempre), Salma Hayek, Willem Dafoe (Anticristo).
"Platoon": Em 1967, o jovem americano Chris Taylor decide deixar de lado sua confortável vida para se alistar voluntariamente como combatente na guerra do Vietnã.
Assim que chega à guerra, Chris perde sua visão inocente em meio às atrocidades que a guerra provoca.
No Elenco, Tom Berenger (A Origem), Charlie Sheen, Forest Whitaker (Ponto de Partida).
Serviço:
Era uma vez no México
29 de maio às 19h
Platoon
29 de maio às 21h
No Canal AXN (34 - NET)
da Redação OToupeira - redacao@otoupeira.com.br

Edward Mãos de Tesoura e Jack Sparrow estão na lista dos 100 maiores personagens dos últimos 20 anos pela revista Entertainment Weekly! Em 7º e 13º lugar, respectivamente :)

uiaaaaaaaa depp de férias..



Johnny Depp está desfrutando de suas férias em Míconos na Grécia, antes de começar a filmar Piratas do Caribe 4! :)

Drica Moraes passeia de quadriciclo com o filho Atriz, que está com leucemia, se divertiu com Mateus na Lagoa Rodrigo de Freitas.

Drica Moraes passeou de quadriciclo com o filho, Mateus, de 1 aninho, pela Lagoa Rodrigo de Freitas, Zona Sul do Rio, neste sábado, 27. A atriz, que está com leucemia, fará um transplante de medula em duas semanas, segundo a revista "Contigo!".


J. 
Humberto /Ag News

Drica Moraes anda de quadriciclo com Mateus

J. 
Humberto/Ag News

A atriz e o filho estiveram na Lagoa, Rio, neste sábado, 29

Peter Fonda, co-autor de 'Easy rider', lamenta a morte de Dennis Hopper 'Fui abençoado por sua paixão e amizade', afirmou o ator à Reuters. Hopper morreu neste sábado (29) após lutar contra um câncer de próstata.



Morto neste sábado (29), aos 74 anos, após passar os últimos meses de sua vida lutando contra um câncer de próstata, o ator e diretor Dennis Hopper teve sua morte lamentada pelo ator Peter Fonda.

Veja imagens da trajetória de Hopper

Para Fonda, que co-escreveu o roteiro do clássico da contracultura "Easy rider" junto a Dennis Hopper, o ator o "introduziu ao mundo da Pop Art e dos filmes marginais".

"Juntos, rodamos pelas estradas dos Estados Unidos e mudamos a forma como filmes eram feitos em Hollywood. Eu fui abençoado por sua paixão e amizade."
Fonda fez a declaração à agência de notícias Reuters.

Morre aos 74 anos o ator e diretor Dennis Hopper, de 'Easy rider'

Norte-americano morreu cercado de familiares em subúrbio de Los Angeles.
Ele faleceu vítima de complicações provocadas por um câncer de próstata.


O ator e diretor de cinema norte-americano Dennis Hopper morreu neste sábado (29), aos 74 anos, informaram à agência de notícias Reuters a produtora do ator e um amigo de sua família.
Ele faleceu cercado por parentes, em sua casa em Venice, no subúrbio de Los Angeles. A morte se deu às 8h15 locais (12h15 de Brasília), segundo Alex Hitz, amigo do ator e diretor de "Sem destino" (no título original "Easy rider")
Ele sofria de câncer na próstata e morreu de complicações decorrentes da doença. Segundo a agência de notícias EFE, o ator recebia tratamentos contra o câncer desde outubro, por meio de um programa especial da Universidade do Sul da Califórnia, em Los Angeles.

Dennis Hopper deixa quatro filhos. O funeral do ator está sendo organizado.
Divórcio conturbado
Lutando contra o câncer há tempos, sua condição de saúde piorou em setembro, mas Hopper continuou a trabalhar até o fim de sua vida, tanto na série norte-americana de TV "Crash" (baseada no filme homônimo, de 2008), quanto na produção de um livro de fotografias (um de seus principais hobbies, ao lado da pintura e da escultura).

Seus últimos meses de vida foram marcados pelo divórcio conturbado de sua quinta esposa, a atriz Victoria Duffy.

De acordo com a revista "US Magazine", o motivo que levou Duffy a pedir o divórcio do ator, em janeiro, foi uma discussão sobre testamento e o valor que ela receberia após a morte de Hopper.
Dennis Hopper, morto neste sábado (29), ao lado de sua 
ex-mulher, a atriz Victory Duffy: últimos meses de vida foram marcados 
por divórcio conturbado.Dennis Hopper, morto neste sábado (29), ao lado de
sua ex-mulher, Victoria Duffy: últimos meses de vida
foram marcados por divórcio conturbado. (Foto: AP)
Dentre seus casamentos, que marcam uma vida agitada (com vício em drogas e álcool), está uma união com a cantora Michelle Phillips, do grupo Mamas and the Papas, em 1970. O casamento durou oito dias e segundo ela declarou à época à revista "Vanity Fair", terminou devido ao tratamento "brutal" a que era submetida.

Em declaração polêmica acerca de seu estilo de vida, o ator chegou a revelar que gostava de "cheirar carreiras de cocaína do tamanho de seu braço para continuar podendo beber galões de álcool".
Veja galeria de fotos da trajetória do ator e diretor
"Sem destino"
Dennis Hopper dirigiu e atuou em "Sem destino", de 1969, road movie que é considerado sua obra-prima e pilar da contracultura e do movimento hippie na década.
"Nós olhávamos para toda a década dos 60 e ninguém havia feito um filme com alguém fumando maconha sem sair por aí e matar um punhado de enfermeiras", disse Hopper à "Entertainment Weekly", em 2005. "Eu queria que 'Sem destino' fosse uma cápsula do tempo sobre aquele período."
Dennis Hopper e sua filha Galen, durante cerimônia em 
Hollywood em março.Dennis Hopper e sua filha Galen, em homenagem
realizada em Hollywood em março. (Foto: Reuters)
Segundo a crítica, "Sem destino" mudou a história do cinema norte-americano ao abrir caminho nos anos 1970 para uma nova geração de diretores em Hollywood, como Coppola e Martin Scorsese.

Obra no cinema
Hopper teve uma carreira prolífica, que durou mais de 50 anos. Ele surgiu ao lado de James Dean em "Rebelde sem causa" e "Assim caminha a humanidade", nos anos 1950. Também atuou em "Apocalypse now", de Francis Ford Coppola, e "Veludo azul", de David Lynch.

O ator também viveu vilões em filmes de grande orçamento na indústria do cinema, como em "Velocidade máxima" e "Waterworld".
Ele recebeu duas nomeações para o Oscar: uma pelo roteiro de "Sem destino", e outra pela atuação como um técnico de basquete alcoólatra em "Hoosiers", de 1986.
Em março, já com a saúde bastante debilitada, o astro recebeu uma homenagem de Hollywood por sua trajetória no cinema: uma estrela na Calçada da Fama, localizada no coração da cidade que é berço do cinema dos EUA.
hopperO ator e diretor Dennis Hopper, de 'Easy rider', morto neste sábado (29), em foto de 2009 (Foto: Reuters)

EIS O JOHNNY DEPP....



Em boa parte dos 30 filmes de sua carreira, Johnny Depp interpretou personagens estranhos. Nada mais certo para um jovem que viveu fora dos padrões convencionais desde pouco antes de seus pais se divorciaram quando tinha 15 anos. Ele reconhece que se fechou, passando um bom tempo em seu quarto experimentando drogas e tocando guitarra. Esse instrumento ele tocou em público com o conjunto The Kids.
Já mais crescido, Johnny decidiu investir na profissão de ator. Passou a atuar na TV e logo ganhou popularidade nos episódios da série ''Anjos da Lei''. Chegou a ganhar 45 mil dólares por episódio, então um alto salário. No cinema, a estréia deu-se em 1984 na produção ''A Hora do Pesadelo''. Mas ele só se fez notar em seu terceiro filme, o premiado ''Platoon'', dois anos depois.
A sua característica de rebelde ganhou realce em ''Cry Baby'', do ambíguo John Walters. O sucesso, porém, veio com ''Edward Mãos de Tesoura'', de Tim Burton, que lhe valeu o prêmio de melhor ator dado pela Associação dos Críticos de Londres.
Outros filmes importantes se seguiram. Caso de ''Gilbert Grappe - Aprendiz de Sonhador'', sob a direção de Lasse Hellstroom e vivendo o irmão mais velho e protetor de Leonardo DiCaprio, bem como o sensual ''Don Juan de Marco'', quando ''enfrentou'' o mítico Marlon Brando.
Mas além de ser notícia com prêmios (como um Cesar especial), elogios e honrarias, Depp também ganhou realce na mídia por conta de seus vários romances e de seu envolvimento com a polícia. Ele foi preso algumas vezes, uma delas sob suspeita de estar envolvido em assalto acontecido em 1989 em Vancouver, outra por ter destruído em 1994 parte do apartamento que ocupava em Nova York. Mais tarde, também foi detido sob a acusação de estar portando drogas. O seu nome ainda foi realçado quando River Phoenix morreu de overdose na porta do The Viper Room, o clube noturno de sua propriedade da Sunset Boulevard de Los Angeles.
No terreno do amor, o ator foi envolvido com as atrizes Jennifer Grey, Sherilyn Fenn e Winona Ryder e Vanessa Paradis com quem, dizem, teve uma filha. Mas foi casado apenas com Lori Anne Allison entre 1983 e 1985.
Porém, apesar dos escândalos que o cercam, Depp mostra ousadia em aceitar personagens que outros intérpretes recusam por covardia. Caso de Ed Wood no filme do mesmo nome e mais recentemente no papel da travesti Bom Bom em ''Antes do Anoitecer'', que ganhou prêmio de melhor filme no festival de Veneza.

“Relíquias da Morte”: divulgadas imagens inéditas de Harry Potter adulto, no set de filmagem


As filmagens do último filme da saga de J. K. Rowling estão à toda, sob direção de David Yates. O site HPANA – criado por fãs para reunir notícias e boatos sobre Harry Potter – divulgou fotos inéditas do set, durante a gravação de uma parte que muitos fãs queriam ver: o epílogo, que mostra o que aconteceu com os personagens nas décadas seguintes aos eventos dos livros.
“Harry Potter e as Relíquias da Morte” revela Harry se casando com Gina Weasley e tendo três filhos: Tiago Sirius, Lílian Moly e Alvo Severo (James Sirius, Lily Moly e Albus Severus, na versão original). O diretor do filme parece ter sido fiel a esta parte do livro e encheu os atores de maquiagem para que parecessem mais velhos. E não é que a atriz Bonnie Wright parece mesmo uma adulta?
Clique nas imagens para ampliá-las:



a








a

AS MIL FACES DE JOHNNY DEPP

JOHNNY DEPP

JOHNNY DEPP

HUMOR DA NAHH

The current mood of nahh at nahh