terça-feira, 19 de outubro de 2010

'Cidade de Deus' é o 6º melhor filme de ação da história, diz jornal inglês

Em lista do 'The Guardian', Meirelles está à frente de Kubrick e Spielberg.
Primeiro lugar é ocupado por 'Apocalypse now', de Francis Ford Coppola.

Do G1, em São Paulo
Cidade de DeusCena do filme 'Cidade de Deus' (Foto: Divulgação)
O filme "Cidade de Deus", de Fernando Meirelles, está em sexto lugar em uma lista dos 25 melhores filmes de ação de todos os tempos divulgada nesta terça-feira (19) pelo diário britânico "The Guardian".
O longa-metragem brasileiro de 2002, que recebeu quatro indicações ao Oscar, está à frente de sucessos comerciais do cinema de ação, como "Os caçadores da arca perdida" (11º), de Steven Spielberg, e "Duro de matar" (14º), estrelado por Bruce Willis.
Comente esta notícia
A lista é liderada por "Apocalypse now", de Francis Ford Coppola, seguido por "Intriga internacional", de Alfred Hitchcock, e o faroeste "Era uma vez no Oeste", de Sergio Leone.
Confira a seguir os dez primeiros colocados ou clique aqui para ver a lista completa (em inglês):
1. "Apocalypse now", de Francis Ford Coppola (1979)
2. "Intriga internacional", de Alfred Hitchcock (1959)
3. "Era uma vez no Oeste", de Sergio Leone (1968)
4. "Meu ódio será sua herança", de Sam Peckinpah (1969)
5. "Amargo pesadelo", de John Boorman (1972)
6. "Cidade de Deus", de Fernando Meirelles (2002)
7. "Glória feita de sangue", de Stanley Kubrick (1957)
8. "O salário do medo", de Henri-Georges Clouzot (1953)
9. "O tigre e o dragão", de Ang Lee (2000)
10. "Além da linha vermelha", de Terrence Malik (1998)
 

johnny depp lindo..

Johnny Depp como Frank em The Tourist - nos cinemas em 14 de janeiro de 2011 (10 de dez nos Estados Unidos)



via  www.johnnydepp.com.br

The Tourist - 14 de janeiro nos cinemas brasileiros.



via  www.johnnydepp.com.br

Campanha para que Alice seja indicado ao Oscar

Tirado de Deadline por Pete Hammond.

Em uma tentativa de levar o blockbuster 3D Alice no País das Maravilhas às discussões do Oscar 2011, a Disney está planejando táticas diversificadas. A sexta maior bilheteria da história terá um incomum compromisso com o objetivo de atrair membros da Academia e sociedade hollywoodiana. Uma página inteira do jornal de domingo trará um anúncio (abaixo) da exibição do filme nos cinemas Arclight Hollywood e AMC Santa Monica de 18 a 21 de outubro, que será acompanhada por uma exibição dos figurinos do filme assinados por Colleen Atwood no saguão do Arclight. Uma forte campanha publicitária no centro da indústria de prêmios também fará parte da equação para levar Alice no País das Maravilhas não apenas às esperadas indicações técnicas como direção de arte, maquiagem, efeitos visuais e figurino, mas também às categorias Melhor Filme e Diretor, um longo tiro, de fato, baseando-se na convencional opinião da premiação.

Imagem

Ambos os produtores, Joe Roth e Dick Zanuck, são antigos chefes do estúdio, guiaram muitas indicações e vencedores no passado, produziram o próprio show do Oscar e, é claro, são eleitores de longa data da Academia. Eles explicaram que esta campanha não é por dinheiro: é por reconhecimento. "Seria terrivelmente decepcionante não estar no Top 10," disse Zanuck [recentemente o Oscar sofreu mudanças e a categoria Melhor Filme passou a ter 10 indicados]. "Não somos apenas mercenários. Você não consegue fazer uma bilheteria alcançar um bilhão de dólares a menos que milhões de pessoas estejam satisfeitas com o filme. Toda a questão da nova regra dos 10 melhores foi para não excluir os filmes mais populares do ano como Batman - O Cavaleiro das Trevas [que não recebeu a indicação de Melhor Filme]. Houve desdém com o público."

O co-produtor Roth também sente que a estréia em março é prejudicial na tentativa de conseguir atenção dos eleitores. "A Disney tem o desafio de lembrar as pessoas. As coisas passam tão rápido. Em nosso mundo, 9 meses parecem 9 anos." As indicações de Melhor Filme são raras para longas que são lançados muito antes. Alice estreou [nos Estados Unidos] em 5 de março, semana do Oscar 2010, o que foi inicialmente uma preocupação aos produtores até que o filme alcançou 116 milhões de dólares nos primeiros 3 dias de exibição e acalmou os temores.

Toy Story 3 é outro filme da Disney que alcançou mais de 1 bilhão e tem chance de estar presente em diversas categorias. "[A Disney] possui dois filmes que alcançaram 1 bilhão cada. Ambos são forasteiros à opinião da Academia, mas essa campanha é certamente uma maneira da Disney lembrar as pessoas que eles estão fazendo um trabalho de boa qualidade."

Tim Burton recebeu apenas uma indicação ao Oscar com A Noiva Cadáver e seus filmes nunca foram muito bem-vindos em Melhor Filme ou Diretor, embora tenha ganhado um Globo de Ouro como Melhor Musical com Sweeney Todd. Roth analisa: "A Academia não tem sido muito aberta com o trabalho de Burton, o qual devem achar muito singular."

Questionados sobre quem eles acham que vencerá como Melhor Filme, os produtores dizem não saber. "Não assisti todos os filmes," disse Roth, "mas estando aqui em meados de outubro, estamos procurando por adversários, certo?"

via  www.johnnydepp.com.br

10 Astros que Mais Morreram em Filmes e suas 10 Primeiras Mortes




Atenção! Cuidado com esta lista, pois ela poderá lhe revelar mais do que você gostaria de saber sobre os filmes que não viu...
Não são apenas os coadjuvantes e figurantes que morrem nos filmes, alguns astros de Hollywood já têm este hábito.
Aqui está um levantamento dos 10 astros que mais morrem nos filmes, com destaque para seu primeiro falecimento... que descansem em paz!


1.  Robert DeNiro - Os Cinco de Chicago (V14 mortes. tudo começou no filme de 1970 de Roger Corman, onde ele era um dos gangsters comandados pela mãe Baker - Shelley Winters. não perca a conta, De Niro morreu também em: A Última Batalha de um Jogador, Caminhos Perigosos, Brazil, A Missão, Cabo do Medo, O Despertar de um Homem, Frankenstein de Mary Shelley, Fogo Contra Fogo, Estranha Obsessão, Jackie Brown, Grandes Esperanças, 15 Minutos e em O Amigo Oculto. coitadinho...)


2.  Bruce Willis - Billy Bathgate (V11 mortes. também era um gangster em sua morte de estreia em 1991. Willis passou desta para melhor em: Pensamentos Mortais, A Morte lhe Cai Bem, Os 12 Macacos, O Chacal, Armaggedon, O Sexto Sentido, A Guerra de Hart, As Panteras Detonando, Sin City e Grindhouse: Planeta Terror)


3.  Johnny Depp - A Hora do Pesadelo (V10½ mortes. começou sendo vítima de Freddy Krueger, sendo sugado em sua cama e se transformando numa fonte de sangue, um espetáculo de morte. Depp morreu ainda em: Platoon, A Hora do Pesadelo 6, Ed Wood, Dead Man, Enigma do Espaço, Do Inferno, O Libertino, Sweeney Todd, Inimigos Públicos e Piratas do Caribe - O Baú da Morte, mas este só vale 1/2 morte, porque ele voltou à vida na parte 3)
ESTA LISTA PERTENCE AO BLOG: listasde10.blogspot.com
4.  Brad Pitt - Nada é Para Sempre (V9 mortes. teve mais sorte, morreu de velho e pescando no bonito filme de Robert Redford. Pitt morreu também em: Kalifornia, Lendas da Paixão, Inimigo Íntimo, Encontro Marcado, Tróia, O Assassinato de Jesse James pelo Covarde Robert Ford, Queime Depois de Ler e O Curioso Caso de Bejamin Button. ele ainda morreu mais duas vezes, em Cool World, mas como era um cartoon, voltou a viver imediatamente e em Clube da Luta, mas ele não existia de verdade)


5.  Al Pacino - Scarface (V9 mortes. mais um gangster, esses atores deveriam ganhar extra por insalubridade. o pobre Pacino faleceu ainda em: Dick Tracy, O Poderoso Chefão 3, O Pagamento Final, Donnie Brasco, Insônia, O Articulador, O Novato e em Duas Faces da Lei)


6.  Jack Nicholson - Sem Destino/Easy Rider (V9 mortes. envolveu-se com um bando de motoqueiros... morreu. Nicholson tem um histórico de mortes violentas: Um Estranho no Ninho, Passageiro Profissão Repórter, O Iluminado, Batman, Hoffa, Marte Ataca!, Os Infiltrados e Antes de Partir)
ESTA LISTA PERTENCE AO BLOG: listasde10.blogspot.com
7.  Dustin Hoffman - Perdidos na Noite (V9 mortes. começou com uma das mortes mais tristes do cinema, num ônibus, neste grande filme de 1969. Hoffman veio a falecer também em: O Inimigo Oculto, Lenny, A Morte do Caixeiro Viajante, Billy Bathgate, Hook A Volta do Capitão Gancho - a mais terrível, devorado por um crocodilo -, Mera Coincidência, Perfume e em A Loja Mágica de Brinquedos)


8.  Christian Bale - Anastasia, O Mistério de Anna (V8 mortes. coitado, logo em seu filme de estreia, aos 12 anos de idade ele morre fuzilado com a família... traumatizante. Bale morreu ainda em Henrique V - aos 15 -, O Agente Secreto, Maria Em Nome da Fé - como Jesus Cristo -, Shaft, Tempos de Violência, O Grande Truque e em Os Indomáveis)


9.  Denzel Washington - Um Grito de Liberdade (V7 mortes. morreu em grande estilo, como o líder negro Stephen Biko, assassinado na África do Sul do apartheid. Denzel morreu em outros filmes: Tempos de Glória, Malcolm X, Possuídos, Dia de Treinamento e Chamas da Vingança. e leva mais 1/2 ponto por Um Espírito Grudou em Mim, pois ele era um fantasma e outro 1/2 ponto por Um Anjo em Minha Vida, onde ele era um anjo)


10.  Robert Downey Jr. - Abaixo de Zero (V5 mortes. adivinhem! ele começou morrendo de overdose e não parou mais... Downey morreu ainda em: Assassinos por Natureza, Ricardo III um Ensaio, A Armação e em Os Federais. ele também se matou em Crimes de um Detetive, mas era só uma alucinação)
ESTA LISTA PERTENCE AO BLOG: listasde10.blogspot.com
Nota: Esta lista foi elaborada com base em dados da revista Premiere.

Brasil: ‘Tropa de Elite 2’ transformou-se no filme brasileiro mais visto de 2010


Na segunda semana de exibição, ‘Tropa de Elite 2’ transformou-se no filme brasileiro mais visto de 2010 no Brasil, com mais de 4 milhões de espectadores.

O filme ultrapassa assim ‘Nosso Lar’ e ‘Chico Xavier’, o segundo e terceiros classificados na lista do ano, com 3,840 milhões e 3,412 milhões de espectadores, respectivamente.

Ainda longe de ‘Avatar’, com 9,1milhões de espectadores, estima-se que ‘Tropa’ pode atingir essa marca.

Segundo Marcelo Bertini, presidente da Rede Cinemark, "É muito bom ver um filme nacional conquistando o status de um blockbuster", acrescentando que "o sucesso do filme contribui para o processo de amadurecimento do mercado brasileiro em todos os seus segmentos, quebrando paradigmas importantes na indústria".

Este sucesso vem ainda carimbar a força dos filmes brasileiros no seu próprio mercado, sendo agora possível prever que se bata o recorde de 2003, período em que 21 milhões de espectadores assistiram a produções nacionais.

Jorge Pereira

AS MIL FACES DE JOHNNY DEPP

JOHNNY DEPP

JOHNNY DEPP

HUMOR DA NAHH

The current mood of nahh at nahh