domingo, 19 de agosto de 2012

Ator Gerard Butler recebe conselhos para virar roqueiro


O roqueiro Marilyn Manson e os atores (e também músicos) Jack Black e Johnny Depp estão dando dicas ao astro Gerard Butler, de "300", para que ele se torne um rock star.
Gerard Butler na festa pós-Oscar da Vanity Fair, Hollywood, 2012. Foto: Getty Images
1/5
Uma fonte revelou à revista National Enquirer que Depp aconselhou o ator a "montar uma banda" e posteriormente o apresentou a Manson e Black, que trabalham para dar início a carreira de Butler no mundo do rock.
Getty Images
Johnny Depp e Marilyn Manson dividem o palco em Los Angeles, 2012

"Gerry já está escrevendo músicas e preparando um disco. Depois de cantar como amador por anos ele achou que esse seria um bom momento para tentar algo profissionalmente", disse a fonte. "Johnny chamou Gerry para tocar com ele e agora o apresentou aos seus amigos Marilyn Manson e Jack Black".
A inspiração para suas canções teria surgido durante o período em que Butler ficou internado na clínica de reabilitação Betty Ford Centre, no início deste ano. Durante o tempo que passou lá, o ator teria aproveitado para compor e pensar no seu primeiro disco.
Em abril deste ano Johnny Depp fez um dueto com Marilyn Manson durante o "Revolver Golden God Awards", premiação americana de rock e heavy metal criada pela revista "Revolver". O ator também participou de uma das faixas do último trabalho de Manson, "Born Villain".

via    IG

A vida de Vanessa Paradis sem Johnny Depp


Em 19 de junho deste ano a assessoria de Johnny Depp e Vanessa Paradis divulgou um comunicado afirmando que os dois não estavam mais juntos e que os encontros entre eles resumiam-se agora apenas a decisões judiciais quanto a guarda dos filhos e a divisão dos bens adquiridos no período em que estavam unidos. 

Os dois se conheceram no Hotel Costes, em Paris. Na revista Gala de 2003, Depp contou como a conheceu: "A primeira vez que a vi, ela estava de costas, e vi apenas sua nuca. Quando ela me olhou eu fiquei hipnotizado. Naquele momento eu soube que a minha vida de solteiro tinha acabado". O sentimento da Vanessa foi recíproco: "Eu nunca tinha visto nem um filme com ele, assim não sabia, a princípio, quem era. Mas quando nos cumprimentamos, senti alguma coisa nos meus dedos e no meu corpo inteiro. Foi mágico! Eu soube na hora que tinha encontrado o homem da minha vida. E isto se passou logo nos primeiros instantes." Na ocasião os dois estavam comprometidos: Johnny namorava Kate Moss, e Vanessa, Lenny Kravitz. Depois disto eles se encontrariam mais quatro vezes até que começassem um relacionamento sério. Na época ninguém acreditava  que o namoro dos dois duraria muito. O escritor Frédéric Beigbeder apostou que a união duraria no máximo três anos. Durou quatorze! 

Pela atriz francesa, Depp abandonou a vida de "bad boy", aceitou dividir a vida entre Paris e Los Angeles, aprendeu francês e não aceitou fazer nem um filme que o impedisse de ficar longe da família por quatro dias consecutivos. Da sua parte, Vanessa também abriu mão da carreira em nome da família. "Houve momentos na minha vida que eu me sentia presa numa bolha, por exemplo, quando meus filhos eram bebês. Eu não queria perder nenhum momento importante da vida deles, como o nascimento do primeiro dente ou os primeiros passos. Quando estou perto do Johnny e dos meus filhos tenho a impressão que não preciso de mais ninguém" (Paris Match, 2004). Mas o tempo passou, Vanessa saiu pouco a pouco de sua "bolha" e em 2007 ela apresentou o álbum Divinidylle. Surpreendida pelo acolhimento inesperado, a cantora multiplicou seus projetos pessoais. Mais ou menos neste período, Johnny Depp começou a mostrar em casa um lado negro que ela até então desconhecia. Em entrevista à revista Elle (10.08.12), Vanessa disse que ele tinha qualquer coisa de Serge Gainsbourg. "Foi o Gainsbourg que me fez crescer artisticamente. Normalmente, ele era uma pessoa intensa, extrema, delicada mas podia também ser sombrio em alguns momentos. (...) Às vezes penso que se ele e Johnny tivessem se encontrado teriam sido os melhores amigos do mundo!" Depois disso, ela e Johnny Depp foram vistos cada vez menos juntos. A última ocasião em que apareceram acompanhados foi em maio de 2010, no Festival de Cannes.   
A distância entre os dois deu origem a boatos. Ainda no início de 2010 surgiu um rumor de que o ator estaria se interessando por Angelina Jolie, sua colega de trabalho no filme "The Tourist". Depois veio o boato de que ele estaria tendo um caso com a atriz Eva Green, a companheira dele em "Dark Shadows". Mas os rumores foram silenciados em seguida por ambas as partes: Eva estava muito feliz ao lado do ator Marton Csokas.  Em seguida veio o buzz de um caso da Vanessa com o ator Romain Duris. Todos os burburinhos foram desmentidos. No começo deste ano, perguntaram se Depp se considerava um homem "maldito no amor" como o personagem de "Dark Shadows", e ele respondeu dizendo que tem "filhos maravilhosos e uma profissão apaixonante". Preferiu não falar da Vanessa. Segundo a revista "People", Depp e Paradis estavam separados mesmo antes da oficialização do término do relacionamento em junho deste ano. Quando os dois estavam em Los Angeles, Vanessa ia para a mansão do casal no Sunset Boulevard com os filhos, ele ia para um hotel. Mas o caso mais grave aconteceu em abril deste ano: ela se recusou a participar da comemoração do aniversário do filho para não encontrar o ex-marido. 

Hoje Johnny Depp é visto ao lado da atriz em ascensão Amber Heard, que lhe deu uma réplica no filme "Rhum Express", seu último filme. Os dois se conheceram no set do longa. De acordo com pessoas próximas ao ator, ele quis estreitar o relacionamento entre os dois, mas como Amber  se considera lésbica ou bissexual (nem ela sabe), ela limitou a relação. Provavelmente, trata-se de mais um relacionamento publicitário como tantos em Hollywood. 

Quanto a Vanessa, vai bem obrigada. Atualmente a artista se divide entre a França e os Estados Unidos, onde os filhos estudam. Ela acabou de promover o novo filme "Cornouaille", que chegou às salas de projeção francesas em 15 de agosto, e hoje trabalha no próximo álbum previsto para o ano que vem. " 


via  A Música Francófona

AS MIL FACES DE JOHNNY DEPP

JOHNNY DEPP

JOHNNY DEPP

HUMOR DA NAHH

The current mood of nahh at nahh