quarta-feira, 14 de março de 2012

Meryl Streep, Johnny Depp e Justin Bieber contra o bullying e a censura

Várias personalidades se unem em defesa do documentário "The Bully Project", censurado pelo governo americano.
por Bruno Carmelo

Nem sempre o sistema de classificação de filmes é muito lógico. Nos Estados Unidos, para uma obra ser autorizada aos adolescentes a partir de 13 anos, ela pode conter apenas uma vez a temida palavra "f...", enquanto as cenas de violência e sexo podem existir em maior quantidade.

Por esta razão, o documentário The Bully Project, sobre os atos de violência física ou psicológica entre adolescentes, foi proibido aos menores de 17 anos - ou seja, excluindo a grande maioria do público-alvo da obra. Como o diretorLee Hirsch recusou cortar os palavrões, dizendo que isso atentaria ao naturalismo do filme, a MPAA não aceitou baixar a classificação. Desde então, o diretor e os produtores têm organizado uma grande batalha midiática, aparecendo em programas de televisão e distribuindo petições, para questionar o funcionamento automático da censura americana.


Segundo o diretor, "Sem levar em consideração a situação particular do meu filme, eu acho uma pena que o julgamento de valores da MPAA autorize violência explícita, homofobia e agressão contra mulheres. Todas essas coisas são autorizadas aos jovens de 13 anos, e isso não é contestado".

The Bully Project também recebeu apoios de peso: Meryl Streep anunciou que organizará uma projeção do filme em Nova Iorque, e Johnny Depp propôs sua ajuda. Justin Bieber, o jogador de futebol americano Drew Brees e Gerry Lopez, presidente da AMC Entertainment (segunda maior rede de cinemas nos Estados Unidos) também defendem abertamente a obra.
Fonte: AdoroCinema - The Hollywood Reporter - Deadline

Dark Shadows: terror gótico de Tim Burton tem site oficial e banner divulgados

Dark Shadow-Banner Poster
Com o lançamento confirmado para amanhã do primeiro trailer do filme Dark Shadows, a Warner Bros trouxe novidades. Além de divulgar um novo pôster (no formato banner) também estreou o site oficial do filme. O longa marcará uma nova parceria do ator Johnny Depp com o diretor Tim Burton, além de ser uma adaptação ao cinema da clássica série de televisão Sombras da Noite dos anos 60, um misto de fantasia com terror. Você pode conferir abaixo as novidades do filme.

No filme, em  1752, Joshua, Naomi Collins e seu filho Barnabas, foram embora de Liverpool, Inglaterra, para começar uma nova vida na América. Mas mesmo um oceano não foi suficiente para escapar da misteriosa maldição que atormenta sua família. Duas décadas se passaram e Barnabas (Johnny Depp) tem o mundo aos seus pés, ou pelo menos a cidade de Collinsport, Maine. Capitão do Collinwood Manor, Barnabas é rico, poderoso e um playboy inveterado … até que ele comete o erro grave de quebrar o coração de Angelique (Eva Green), uma bruxa, em todos os sentidos da palavra, Angelique condena-o a um destino pior que a morte, transformando-o em um vampiro e enterrando-o vivo.
Dois séculos mais tarde, Barnabas é libertado de seu túmulo, e surge nos dias modernos.

O filme foi rodando na região de Surrey e nos estúdios de Buckinghamshire, na Inglaterra, Reino Unido. No elenco estão os atores Michelle Pfeiffer, Chloe Moretz, Michelle Pfeiffer, Helena Bonham Carter.

O longa tem sua data de estreia mundial prevista para 11 de Maio de 2012.

Confira abaixo o banner oficial para o terror gótico Dark Shadows (clique na imagem para ampliar).

AS MIL FACES DE JOHNNY DEPP

JOHNNY DEPP

JOHNNY DEPP

HUMOR DA NAHH

The current mood of nahh at nahh